domingo, julho 17


quando parte quem nos enche a alma é uma perda difícil
porque também coincide com a ausência de quem tinha
a sabedoria ou poder de nos consolar.

1 comentário:

Sus disse...

Há um tempo que não vinha aqui!
E quando o tema é uma perda de alguém, as palavras têm a tendência a fugir-me da boca.

Espero que tudo esteja bem!
Deixo um beijito